Va'etchanan: partilha sem benefício pessoal | Kabbalah Centre Portugal

Va'etchanan: partilha sem benefício pessoal

Vaâetchanan-Michael BergHá certos Shabbats que receberam um nome, e o Shabat da porção Va'etchanan é um deles. Esses nomes referem-se com frequência à leitura da Torá para aquela porção; no entanto o Shabat de Va'etchanan, chamado Shabbat Nachamu relaciona-se com a sua porção Haftorah, da leitura do Profeta Isaías. O nome é retirado das palavras de abertura, Nachamu, nachamu ami, "Consolai-vos, consolai-vos meu povo".

 

Isaías diz na sua profecia que as pessoas estão secas e que até mesmo as coisas boas que são feitas neste mundo são como ervas secas que crescem. O Rav Ashlag e o Rav Brandwein apontam, e o Zohar explica, que este é realmente o segredo da barreira que existe entre o mundo como o conhecemos hoje, com dor, sofrimento e morte e a forma como ele deveria ser. Mas o que significa isso? O Zohar pergunta, o que é que Isaías quer dizer quando afirma que as pessoas estão secas e que as suas boas acções  e acções de compartilhar estão secas?

 

Para explicar isto, o Zohar vai mais fundo, mas há uma secção que quero partilhar. No seu livro, “O Pensamento da Criação”, Rav Ashlag escreve, citando essa parte do Zohar, que quando é dito que as pessoas estão secas e a sua bondade está seca, isso significa que quando as pessoas fazem o bem, fazem-no para seu benefício pessoal, quer físico quer espiritual. E o Zohar diz, como afirma Rav Ashlag, que para trazer a mudança que queremos trazer para este mundo, e que o Criador deseja que tragamos, temos de mudar isto. Precisamos de pensar na nossa própria bondade e responder honestamente: quando compartilhamos ou damos, o que é verdadeiramente puro? Que parte disso é apenas com o propósito de revelar a Luz do Criador neste mundo, sem qualquer desejo de benefício pessoal?

 

Na Kabbalah aprendemos que compartilhar pode trazer-nos bênçãos, e é importante fazê-lo. Mas isso não é a consciência final. 20% ou 30% de nossas boas acções são puras? São apenas com o propósito de revelar a Luz do Criador neste mundo, sem qualquer desejo de bênçãos e benefícios pessoais? Enquanto não forem, a profecia de Isaías continua verdadeira; as pessoas permanecem secas, e o ser bom e as ações de compartilhar não têm o poder que deveriam ter. E diz que, enquanto for esse o caso, não podemos atrair e manter a Luz do Fim da Correção.

 

A Luz está disponível para cada um de nós no Shabat Nachamu, o Shabat da porção Va'etchanan, para nos tornarmos numa pessoa que realmente compartilha sem desejar receber qualquer benefício pessoal. Essa é a Luz que está disponível no Shabat Nachamu, e essa mudança, como o Zohar nos diz, é que permitirá o começo da manifestação da profecia de Isaías, Nachamu nachamu ami, “Consolai-vos, consolai-vos Meu povo”, onde a dor, lágrimas, e a morte que já existiu é removida do nosso mundo. Se pedirmos isto neste Shabat, poderemos começar a mover-nos nessa direcção.

 

Michael Berg